Dia Internacional pelo Fim da Impunidade dos Crimes contra Jornalistas

Publicado em:

“Combater ameaças de violência e crimes contra jornalistas para proteger a liberdade de expressão para todos” Dia Internacional pelo Fim da Impunidade dos Crimes contra Jornalistas – 2 de novembro de 2021 Acabar com a impunidade dos crimes contra jornalistas é uma das questões mais urgentes para garantir a liberdade… [ LEIA MAIS ]

FENAJ condena violência contra jornalistas brasileiros ocorrida em Roma

Publicado em:

A Federação Nacional dos Jornalistas (FENAJ), representante máxima da categoria no Brasil, vem a público repudiar e condenar a violência contra profissionais brasileiros, ocorrida ontem, 31 de outubro, em Roma. Pelo menos três jornalistas foram agredidos fisicamente enquanto faziam a cobertura de uma atividade do presidente Jair Bolsonaro na capital… [ LEIA MAIS ]

FENAJ realizará curso sobre como se proteger de ataques e ameaças no ambiente digital

Publicado em:

O ano de 2020 foi o mais violento para os jornalistas brasileiros, desde o início da série histórica dos registros dos ataques à liberdade de imprensa feitos pela Federação Nacional dos Jornalistas (FENAJ) desde a década de 1990. Foram 428 casos de violência, 105,77% a mais que o já alarmante… [ LEIA MAIS ]

Participe da pesquisa sobre violência e assédio no trabalho

Publicado em:

Recentemente a Convenção 190 da Organização Internacional do Trabalho (OIT) entrou em vigor​. Ela é a primeira norma internacional para prevenir, punir e eliminar a violência no mundo do trabalho​. Com o objetivo de levantar dados sobre a situação da violência laboral no Brasil e em outros países da América… [ LEIA MAIS ]

Conselho da UEL aprova criação de Comissão de Prevenção à violência sexual e de gênero

Publicado em:

Em reunião realizada na última segunda-feira (13), foi aprovada por unanimidade, no Conselho de Centro do Centro de Educação, Comunicação e Artes (CECA), a formação da Comissão de Prevenção à Violência Sexual e de Gênero do CECA. A proposta, que já havia sido aprovada pelo Colegiado do curso de Jornalismo e… [ LEIA MAIS ]

Sindijor Norte PR repudia agressões a repórter da TV Tarobá

Publicado em:

O Sindijor Norte PR repudia os atos de violência contra o jornalista Silvano Brito, repórter da TV Tarobá, cometidos nesta terça-feira (7) por manifestantes apoiadores do governo Jair Bolsonaro. As ocorrências se deram quando o profissional estava no exercício de sua função cobrindo os atos na PR-445. Em duas entradas… [ LEIA MAIS ]

Sindijor Norte PR terá plantão contra a violência a jornalistas

Publicado em:

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Norte do Paraná (Sindijor Norte PR) vai ficar de plantão durante os atos marcados para o dia 7 de setembro. A preocupação é com a segurança dos jornalistas nas manifestações a favor ou contra o Governo Federal, programadas para este feriado. Alguns movimentos, antidemocráticos,… [ LEIA MAIS ]

FENAJ realiza seminário “Violência contra jornalistas: denunciar para combater e se proteger para evitar”

Publicado em:

No país em que um jornalista foi agredido por dia, ao longo do ano passado, a Federação Nacional dos Jornalistas (FENAJ) vem intensificando as ações de acompanhamento e de prevenção à violência contra a categoria, em 2021. Atenta ao crescimento das agressões à imprensa no Brasil, a entidade sindical realizará,… [ LEIA MAIS ]

FENAJ – Violência contra jornalistas cresce 105,77% em 2020, com Jair Bolsonaro liderando ataques

Publicado em:

Em pleno ano da pandemia provocada pelo novo coronavírus, quando o Jornalismo foi considerado atividade essencial no país e no mundo, e os profissionais se desdobraram, muitas vezes em condições precárias, em busca da informação responsável e de qualidade para conter o avanço da doença, o Brasil registrou uma explosão… [ LEIA MAIS ]

FENAJ: Violência contra jornalistas aumenta 54% em 2019

Publicado em:

O Brasil registrou, em 2019, 208 ataques a veículos de comunicação e jornalistas, um aumento de 54% em relação a 2018. Do total, 114 casos foram de descredibilização da imprensa e 94 de agressões diretas a profissionais. Sozinho, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) foi responsável por 58% destes ataques,… [ LEIA MAIS ]